Meu Pet está doente?

MEU PET ESTÁ DOENTE?

Veja alguns sintomas que podem indicar que seu pet está doente.

MEU PET ESTÁ DOENTE?

Você sabe como está a saúde do seu pet?

Quando eles estão muito abatidos ou com coceira constante, por exemplo, logo nos preocupamos pois algo pode estar errado. Mas vale dizer que outros sinais, menos evidentes, podem também indicar que algo não vai bem.

MEU PET ESTÁ DOENTE?

Algumas das doenças são causadas por parasitas (doença do carrapato, verme do coração e leishmaniose, por exemplo) e, infelizmente, algumas delas podem ser fatais. O maior problema é que nem sempre os sintomas são tão evidentes.

Claro que a ida ao veterinário é indispensável, ao menor incômodo e alteração de comportamento que surgir. Para saber o que procurar, separamos algumas dicas que vão ajudar a garantir o bem estar do seu pet. Afinal, vida de gato e vida de cão tem que ser incrível!

 Alimentação. Se seu melhor amigo anda sem apetite e sem ingerir água, algo pode estar errado.  Para nutrir o organismo, é imprescindível uma boa alimentação e a  ingestão de água para hidratação.

 Toalete. Entre todas as coisas que nosso pet faz as fezes não são do tipo que prestamos muita atenção. A gente limpa logo e pronto. A partir de agora, isso deve mudar!  Isso porque podem ser aliada importante da saúde do pet. Se houver alguma modificação no aspecto, cor, cheiro, é bem provável que seu cão ou gato esteja doente.

 Espelho, espelho meu. Existe alguém mais peludo que eu? Sim! Os pelos estão totalmente relacionados à saúde do animal, mais do que podemos imaginar. Eles  precisam estar bonitos, não só para impressionar na hora do passeio. Pelos com falhas, secos e opacos indicam que o pet pode estar com algum problema. Fique de olho!

 Só o osso. Animais acima do peso não são saudáveis, mas perder muito peso também não é nada bom. Se ele estiver emagrecendo, mesmo se alimentando  regularmente, além da chance de outras doenças associadas a essa questão, pode ser que algum parasita esteja dando as caras por aí. Mas você pode evitar essa dor de cabeça usando os produtos adequados no seu cão ou gato. A melhor maneira de cuidar da saúde deles é mantê-los protegidos com produtos seguros e eficazes. Saiba mais sobre Vectra 3D e Vectra Gatos aqui.

MEU PET ESTÁ DOENTE?

Esse é o Pretto, o gato Jedi dos meus pais!

MEU PET ESTÁ DOENTE?

Assim que eu saí de casa, ele malandramente pegou o meu lugar!

 

 

 

 

Trate muito bem do seu bichinho…

Afinal, vida de gato e vida de cão tem que ser incrível!

#VidadeCãoÉIncrível   #VidadeGatoÉIncrível   #protejacomamor   #protejacomvectra3d   #protejacomvectragatos #CevaBrasil

Saiba mais sobre os produtos no Facebook, Instagram e também, no site: http://www.vectrapet.com/br

Assinatura Paloma Lanzoni

*Release enviado pela marca

0 I like it
0 I don't like it

7 Comments

  1. Que dicas ótimas. Não tem nada pior do que ver nosso amiguinho doente. Amei as dicas.

  2. Adorei essas dicas! Meu dálmata mais velho teve a doença do carrapato ano passado, descobri por que ele havia perdido o apetite e estava com o corpo quente. Sabia que algo não estava bem e corri para o veterinário. Vou ficar mais atenta a todos os sintomas que você falou. Bjs

  3. Eu adotei um gato, que estava jogado num lixão, sou conhecida como a "louca dos gatos", dei uma ração que não foi nada legal, pensa que sofrimento ver o bichinho com diarréia fora o cheiro né, mas o amor passa "por cima", ainda bem que trocamos tudo e deu tudo certo.


    Amei o post!


    Bjokas

  4. Principalmente com os gatos um outro fator é o estresse. Meu gato vivia com problemas renais causados por estresse, desde que descobrimos como deixa-lo maos tranquilo, nunca mais tivemos problemas! Eles dependem tanto da gente, é preciso pensar em tudo antes de adotar!

  5. Adorei as dicas e seu gatinho é muito fofo.
    Tenho uma dog em casa e presto bastante atenção nela.
    Post de muito ajuda.

    Beijos da Tay

  6. Meu gatinho ficou doente esse mês e realmente os sintomas quase não eram evidentes! Mas agora ele tá bem melhor! :)

  7. Paloma gostei muito do seu post, minha cachorrinha ja teve duas vezes a doença do carrapato e ela só sobreviveu por que fiquei atenta ao comportamento dela, e logo que vi que ela estava estranha ja corri com ela para o veterinário e hoje ela está super bem!
    beijos
    Larys

Deixe uma resposta